16 de novembro de 2015

Um curso científico... é assim tão difícil? ♢

Hello mundo! E então? 
Ansiosos por me matar? 

Ah, não precisam, quer dizer. Até precisam. Juro que eu bem tento manter este blog em pé mas tenho tanta dificuldade que nem imaginam... Eu adoro este meu cantinho desde que o criei, mas parece impossível continuá-lo com a vida que tenho agora. Infelizmente eu não sou a pessoa mais inteligente do mundo, ou não tenho inteligência suficiente para manter uma agenda direita. Este é só o 1º período e a escola está a dar cabo de mim... já repararam que vamos a meio do mês de Novembro? A MEIO. E parece que foi ontem que comecei as aulas! Sinto-me uma verdadeira velha quando começo a falar assim, mas é 100% verdade. Num abrir e piscar de olhos já é Natal e Ano Novo e tenho que me preparar para os exames.

O pior disto tudo é que tenho n horas de estágio ainda por fazer e tenho que acabar por volta de Março para conseguir fazer a minha PAT e relatório que vão contar como nota final de ano. Ah, e o grande extra de ter aulas de apoio a matemática (além da explicação que a minha mãe paga) e a Biologia Aplicada, visto que o meu professor não explica um corno. Não a sério, ele é muito simpático mas não explica nada. E preciso desta disciplina muitoooo para o exame e para o curso que pretendo seguir.

Não pensem que vou eliminar o blog, acalmem-se almas que estejam a ler isto. Mas percebam o meu ponto de vista por favor. A minha única parte livre da semana é dedicada a ver um par de episódios e jogar com os meus irmãos, e ficou por aí (às vezes leio um pouco antes de ir para a cama). Mas para este post não ser só eu a mandar vir com tudo vou dizer o que ando a ver/jogar neste tempo livre que viciei então nas duas coisas que me encontro presa neste momento (espero poder falar dos dois aqui no blog) [carreguem nos títulos para verem vídeos no youtube]:

Miraculous Ladybug: Tales of Ladybug and Chat Noir
Um projeto criado pela Toei Animation, Zagtoon e a Method Animation. É um desenho animado japonês-francês-coreano CGI que conta a história de Marinette, uma estudante universitária em Paris que está loucamente apaixonada por um rapaz da sua turma Adrien. Ela transforma-se em Ladybug quando o Hawk Moth ataca a cidade parisiense.

O que ela não sabe é que o amor da sua vida, Adrien é também o Chat Noir que lhe ajuda constantemente nas suas lutas contra o mal. Mas Adrien, que está caidinho pela Ladybug desconhece também o facto de ela ser a Marinette. As peripécias de cada personagem e o desenrolar das suas personalidades e identidades é bastante original e o amor que eles partilham é bem diferente do normal

Amam-se mas não sabem! É isto que me pões os olhos colados ao ecrã! (Se esta série tiver sucesso, a Toei confirma que vai criar a versão 2D Anime).


Um RPG clássico criado por Toby Fox. Acontece num mundo onde os humanos e os monstros entraram em guerra, mas os humanos saíram vitoriosos, assim selaram os monstros no subterrâneo, onde viverem desde sempre. Um dia, uma criança (o jogo não diz o género da personagem) sobe a montanha onde os monstros se encontram presos e cai num buraco até chegar ao fundo. O objetivo do jogador é sair do subterrâneo para a superficíe sem morrer.

O que torna este jogo tão especial e único é o facto que o jogo caracterizar-nos. Normalmente jogamos porque temos que vencer o mal, ganhar experiência, subir de nível, etc. Mas o jogo quer ensinar-te o oposto e faz-te a pergunta: És realmente humano? Ou és pior que um monstro? - Os teus actos serão constantemente julgados e irá fazer-te refletir como és verdadeiramente.

Caso estejas a seguir o caminho errado o jogo dá-te a hipótese ainda de algumas vezes voltares atrás. E se um simples "Salvar" ou "Reset" muda-se tudo? É isso que Undertale te quer mostrar. O jogo custa 10$ e vale mesmo a pena, tem personagens que se tornam tão especiais para ti que parecem reais.

2 comentários:

  1. Não se preocupe, não vim para a matar. Na verdade, devo dizer que entendo lindamente a situação - se não me engano, estamos exatamente no mesmo ano, e eu ainda quero repetir o exame de físico-química que correu horrivelmente mal, e nem sei por onde lhe pegar. Com matemática estou até um quantinho mais calma, mas isso não significa, de maneira nenhuma, que eu tenha uma agenda desocupada. E embora até agora tenha conseguido postar com mais frequência que você no blog, também não tenho feito tantos posts assim, e demoro séculos a responder aos comentários. Mas admiro a sua persistência por ter voltado ao blog depois de todo aquele tempo, por ter trazido postagens de qualidade, pela notória melhoria na escrita, pela gentileza que se manteve, por todas as iniciativas, e por ainda assim estar decidida a não abandonar o blog. Tenho a certeza de que irá conseguir :)

    Nunca ouvi falar do primeiro joguinho - o ícone ao lado tem alguma coisa a ver com ele? Porque, se tem, o design é AMOROSO :3

    Oh, e neste momento, ando a tentar dar menos atenção ao meu blog principal e mais a um sideblog, de um mangá (o anime não, adapta os livros de forma muito fraca) que eu amo e que é pouco conhecido, então adoraria fazê-lo crescer. Esse do link abaixo. Se pudesse seguir, mesmo que não apareça muito por lá, ficaria feliz :)

    http://reunion-will-come.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Eu sei bem como é não conseguir ter um tempo e seguir uma agenda. Por que o cansaço físico é uma coisa, o psicológico é outro. O físico você tem dor por algum tempo, se o que você não está fazendo pede muito esforço, se descansar bem você está novinho em folha. Mas quando é psicológico, fica muito pesado para aguentar, igual quando se ter contas a pagar, tudo fica muito difícil pois você só pensa naquilo.
    Não se sinta culpada por não poder postar. Eu entendo você!
    Achei muito legal esse novo desenho, muito interessante de se ver!
    Sobre Undertale...Eu fiquei com medo do final do Genocide. Sério.
    Neste ano, o jogo que mais me emocionou para jogar foi Life is Strange....Chloe!
    Beijoquinhas!

    ResponderEliminar

♥ Vais comentar? Obrigada!
Quantos mais comentários o blog tiver, mais interessante e único ele fica; por isso agradeço imenso: Expressem a vossa opinião à vontade! Mas existem regras para cumprir.


→ Nada de comentários indecentes;
→ Também não é permitido comentários de spam;
→ Não mandar comentários a falar mal de alguém;
→ Comentários grandes ou pequenos, são sempre bem-vindos!

☾ Por favor respeitem as regras ou o comentário não será publicado ☽

Eu costumo responder a todos os comentários, por isso de vez em quando devem voltar para ver a resposta. Obrigada! ♥